Sayago

Sayago

Sayago -e possivelmente, uma parte de Aliste- é um dos museus etnográficos ao ar livre melhor preservados da Península Ibéria. A sua arquitectura mantém-se intacta num palco onde a silhueta de cortinas, os ninhos de cegonhas, os poços de água, pontões que cruzam ribeiros, os currais de gado ovino e caprino, abrigos de pastores e as casas apinhadas são testemunho de uma cultura integrada numa paisagem de granito, carvalho, urzes e giestas. Todas elas atravessadas por velhas calçadas romanas que conservam mudos, mas não cegos, os olhos de suas pontes de pedra. Dizem que Viriato, o valente pastor lusitano que enfrentou a todo um império, habitou estes lugares, inclusive há quem assinale o seu lugar de nascimento numa aldeia de Sayago, especificamente, em Torrefrades.

Limítrofe com Aliste, Portugal e Tierra del Vino, a região de Sayago está situada entre o leito do Tormes e o Douro, com uma arquitectura popular de excepcional interesse e um Parque Natural, o das Arribas, que oferece uma das paisagens mais deslumbrantes da península. Com estas características não é de estranhar que Sayago seja um destino turístico privilegiado, e que tenha sido descrito como ‘um museu etnográfico ao ar livre’.

Municípios como Villardiegua de la Ribera, com a sua conhecida “yegua”, Berrão pré-romano da II Idade do Ferro, Sogo com a sua singular ponte romana ou Almeida, conservam restos arqueológicos da romanização desta área enlaçadas por antigas calçadas como A Mirandesa. A visão da Ponte Pino sobre o Douro surpreende pela sua construção em ferro e o seu grande arco de luz nesta paisagem agreste. Torregamones é outra atracção da zona, com os seus currais.

Pereruela é um importante núcleo de olaria, que data desde tempos antigos até aos nossos dias. Os seus fornos e utensílios de argila são reconhecidos pela sua alta resistência ao fogo e pelo seu excelente uso na cozinha.

A histórica localidade de Fermoselle, conhecida como o Balcón do Douro, está declarada Conjunto Histórico-Artístico. Salienta-se a igreja românica de Nossa Senhora da Assunção, o antigo convento de São Francisco fundado em 1730 cuja igreja, do século XII, foi reformada no século XVIII. Além do encanto próprio da vila, último reduto do Bispo Acuña na guerra das Comunidades, o limite do municipio tem lugares realmente espectaculares.

A herança histórica desta comarca fundamenta a aposta da comarca pelo turismo rural, que dispõe de uma ampla gama para eleição do turista mais exigente.

Más Información